Holi festival em Jaipur, a linda cidade rosa do Rajastão

No Hinduísmo, Holi (também chamado Holaka ou Phagwa) é um festival anual comemorado um dia depois da lua cheia no mês Hindu de Phalguna (entre Fevereiro e Março). O festival celebra o início da primavera e o triunfo do bem sobre o mal.

O Holi é distribuído ao longo de dois dias (que costumava ser cinco, e em alguns lugares mais). Milhões de indianos se reúnem e pintam casas, ruas e pessoas, escondendo as tristezas sob guerras de cores. Por todo um dia, a regra é brincar, atirar pós e tintas coloridos e esquecer a hierarquia de castas.

Holi preenche assim, lacunas sociais e une as pessoas: empregados e empregadores, homens e mulheres, ricos e pobres, jovens e velhos. Um provérbio comum ouvido durante Holi é o “Holi hai” que significa “não me sinto ofendido, é Holi”. Os preparativos para o festival começam alguns dias antes, quando a população começa a juntar madeira para acender a fogueira na noite em que acontece o Holi. Uma boneca de Holika é queimada nela; uma maneira de refazer a história que inspira o festival (eu conto a história em outro post!). No sul da Índia, as celebrações são mais religiosas, enquanto no norte, mais exuberantes.

Dado essa introdução, chegamos no momento em que eu escolhi a data para ir a Índia. A data do dia 03 de Março de 2015 foi escolhida a partir do calendário Hindu onde eu tinha a informação de quando seria o Holi Festival, e sendo assim, comecei o meu planejamento!

Chegamos em Jaipur pela manhã do dia 05 de Março, e por volta das 18:00 fomos ver Continuar lendo